Meio Ambiente

Empresa de Bali cria sacola bioplástica comestível que pode ser bebida

Empresa de Bali cria sacola bioplástica comestível que pode ser bebida

Uma empresa de Bali, na Indonésia, preocupada com a poluição excessiva causada por plásticos em sua ilha, está criando alternativas sustentáveis para produtos plásticos descartáveis utilizando recursos renováveis obtidos a partir da natureza. Com a cooperação das indústrias locais de serviço e varejo, eles esperam minimizar a quantidade de plásticos tóxicos consumidos e descartados no ecossistema e pretendem ajudar a reabilitar a paradisíaca ilha, que atualmente produz cerca de 1.000 metros cúbicos de lixo plástico todos os dias e tem apenas 0,5% desse montante encaminhado para a reciclagem.

Entre os produtos comercializados pela Avani Eco estão sacolas biodegradáveis feitas a partir do amido de mandioca, copos de café compostáveis, talheres de madeira, canudos de papel, embalagens produzidas a partir do bagaço da cana e capas de chuva criadas a partir do milho, soja e sementes de girassol.

Para provar que suas criações são realmente benéficas para o meio ambiente, o biólogo e fundador da empresa, Kevin Kumala, fez um vídeo onde ele mesmo bebe um copo de água com um pedaço do bioplástico dissolvido. A sacola, além de ser compostável e biodegradável, pode ser ingerida sem problemas por animais marinhos e terrestres. Veja a cena abaixo:

Carioca, 25 anos, ruiva natural e designer de moda. Escreve sobre moda e beleza há oito anos e criou o Vida Mais Verde depois de começar a se interessar mais por cosméticos naturais e alimentação saudável. Sua missão aqui é levar um pouco mais de verde para aqueles que buscam uma vida mais consciente e sustentável.
Comentários
T o p o